Pular para o conteúdo principal

O que significa blasfemar contra o Espírito Santo?


Cruz de São Pedro

Veja o que Jesus disse sobre a blasfêmia contra o Espírito Santo:

"Portanto, eu vos digo: Todo o pecado e blasfêmia se perdoará aos homens; mas a blasfêmia contra o Espírito não será perdoada aos homens. E, se qualquer disser alguma palavra contra o Filho do homem, ser-lhe-á perdoado; mas, se alguém falar contra o Espírito Santo, não lhe será perdoado, nem neste século nem no futuro" (Almeida Corrigida e Fiel; Mateus 12,31-32).

Ao ler essa passagem, muitos cristãos ficam atormentados achando que talvez já tenham pecado contra o Espírito Santo. Para tirar a dúvida desses cristãos e de todos os outros que têm dúvida sobre esse assunto, resolvi explicar como se comete esse pecado.

Blasfemar contra o Espírito Santo significa falar mal dele, dizer algo ofensivo contra ele. Para quem não sabe, o Espírito Santo é o próprio Deus Pai Todo-Poderoso, e como tal, merece respeito absoluto. Portanto, qualquer palavra ofensiva dita contra ele nunca será perdoada.

Um exemplo desse pecado ocorreu quando certos judeus afirmaram que Jesus expulsava os demônios através de Belzebu, o príncipe dos demônios (Mateus 12,22-29; Marcos 3,22-27; Lucas 11,14-22). Ao dizer isso, esses judeus estavam xingando a Deus (Mateus 10,25), pois era através do Espírito Santo que Jesus expulsava os demônios (Mateus 12,28). Esses judeus nunca serão perdoados por terem feito isso.

Portanto, jamais devemos dizer algo ofensivo contra Deus, e temos que tomar muito cuidado ao afirmar que algo é de Deus ou de Satanás, pois se estivermos errados, seremos culpados de blasfêmia contra Deus. Mas também não devemos ficar paranoicos achando que estamos blasfemando ao imaginar possíveis xingamentos a Deus. Afinal, Deus sabe muito bem que nesse caso não estamos com maldade querendo xingá-lo.

E você? Já sabia o que é blasfemar contra o Espírito Santo? Deixe seu comentário abaixo. Terei prazer em respondê-lo.

Quer aprender mais sobre a Bíblia? Inscreva-se e receba os novos artigos diretamente no seu e-mail! Você precisará clicar no link que será enviado para seu e-mail para ativar sua inscrição.

Comentários

  1. Agora entendo porque Satanás queria que Jó blasfemasse contra Deus,para ele nao ter nenhuma oportunidade de perdoa lo ,eu tenho uma pergunta as pessoas que sao ateias e ficam falando que Deus e mau,vingativo e rancoroso ja blasfemaram a deus ou so se xingarem com palavras torpes vejo adolescentes fazendo isso e muito triste.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Alessandra, esses ateus que ficam chamando Deus de mau ou de coisas piores já blasfemaram sim contra Deus. É lamentável mesmo, eles estão perdidos, nunca serão perdoados.

      Excluir
    2. Mais por que Deus não pode perdoa-los,esse pecado não vai destruir a vida de ninguém,entendi que devemos respeitar não é pior que certos crimes que as pessoas cometem vou citar um exemplo:Dena Schlosser não sei se já ouvir falar dela é uma americana 48 anos nascida em Dallas no Texas,que matou sua filha Margaret um bebe com 11 meses de idade em 2004,amputando os braços do bebé acreditando que a estava oferecendo a Deus.
      Essa mulher cometeu um infanticídio mais de acordo com Deus ela deveria ser perdoada por que é esquizofrenica ou por algum demonio a enganou sem ter contato próximo a essa mulher nunca poderemos saber a caus.
      Deus perdoa os loucos que destroem vidas? mais não pode perdoar um pecado tão insignificante e minúsculo ele é um ser tão glorioso,inteligente,supremo que não entendi que as pessoas podem agir pela emoção e cometer este erro sem pensar por que colocar como pecado imperdoável?isto é apenas uma fase de crescimento de uma pessoa me fale sua opinião por que fico impressionada com a suas palavras e a forma atenciosa que trata a todos Deus perdoa os loucos? e não acha que Deus esta fazendo isso para causar temor as pessoas faço essas perguntas neste comentário por que não posso acessar meu e-mail.Espero suas respostas.

      Excluir
    3. Querida Alessandra, boa pergunta. Nossa mente limitada é incapaz de entender por que Deus perdoa um assassino cruel que se arrepende, mas não perdoa aqueles que blasfemam contra seu Espírito Santo, o que realmente aparenta ser um pecado muito menos grave. A Bíblia não dá uma resposta clara a essa pergunta, mas Deus certamente tem um motivo justo para ter determinado isso. A nós cabe apenas aceitar que se trata de um pecado imperdoável e que por isso jamais podemos cometê-lo. A resposta não vai mudar em nada nossa obrigação de não blasfemar contra Deus. No Dia do Julgamento saberemos essas e muitas outras respostas.

      Excluir
  2. Poucos falam a verdade .........Nao há como negar ....pois o Espirito Santo é Deus .....passei por um periodo de rebeliao e me afastei da igreja e infelismente proferi palavras contra DEus ...........nao procurei ajuda qdo no inicio os pensamentos contrarios a DEUS me dominaram ................aos poucos o diabo tomou lugar e eu caí...................muitos tem problemas de serem impulsivos e isso é uma arma que o diabo usa para nos destruir......

    ResponderExcluir
  3. Uma pessoa que já blasfemou contra Deus na sua opinião o que deve fazer?Desistir e se torna uma pessoa ruim ou relevar isso e esquecer de Deus para sempre sem seguir mandamentos pois isso não importa mais. Me responda Bruno meu filho sofre muito com isso ele tem diz que cometeu esse pecado e entrou em depressão,ele não dorme sem remédios não quer sair de casa,não tem ânimo para nada.Me ajude o que faço?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo, lembre-se que para Deus nada é impossível. O próprio Jesus sabia que ele não tinha como escapar dos sofrimentos que os profetas revelaram sobre a vida do messias. Caso contrário, os profetas teriam mentido. Mesmo assim, Jesus orou ao Pai dizendo: "Pai, se possível, afasta de mim este cálice, mas que não seja como eu quero, mas sim como tu queres". Seu filho pode fazer o mesmo, pedindo a Deus o perdão "impossível".

      Excluir
  4. Bruno,estou com um problema sério tenho até vergonha de admitir que ofendi muito á Deus e o o incomodei bastante,eu costumava fazer minhas orações ofendendo ele todos os dias porque eu não parava de orar em pensamento descontroladamente fui diagnosticado com toc religioso todos os dias da semana da hora de dormir até o acordar fazendo todo o tipo de atividade,eu orava esse inferno durou mais ou menos dois anos e minha voz do pensamento era muita alta.Eu praticamente disse todo o tipo de blasfêmia contra Deus não sei como ele não mandou um castigo para mim,mas ainda continuo com boa saúde e conheci boas pessoas,enfim nada de estranho aconteceu só que estou com um problema muito grave antes orava demais só o maltratava,blasfêmava e testava sua paciência agora ele tirou o meu dom de orar não ouço minha voz da minha mente ou voz espiritual que escutamos ao fazer nossas orações e saber as palavras ao nos comunicarmos com Deus(Uma voz idêntica a minha voz normal só que mais alta) eu não oro mais de nenhuma maneira e acabei fazendo uma besteira e preciso muito de Deus estou arrependido e sou uma das pessoas que mais precisa dele no momento só que agora estou com problemas para me comunicar,já jejuei por 3 dias sem comer sem beber ,bebi água benta,falei em voz alta que não iria blasfemar mais,pensei em me batizar de novo em todas as igrejas da minha cidade,e leio a bíblia estudo todos os dias tudo que faço é pensar em Deus e nos meus estudos não acho que irei para frente sem Deus.O que faço para orar de novo?sou um cidadão incorruptível,altruísta e com um futuro pela frente. Não é por meus estudos que quero orar pode acreditar muito obrigada por sua atenção espero que você continue escrevendo vários artigos e ajude as pessoas mais leigas ter o conhecimento exato da palavra de Deus.Paulo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Paulo, para orar, você não precisar escutar nenhuma voz na mente que o ensine as palavras que você deve falar. Você pode orar em voz alta com as palavras que você mesmo escolher, basta você dizer a Deus o que você está pensando, quais são suas angústias, seus arrependimentos. Se você não souber o que falar, ore o Pai Nosso, como nosso próprio Senhor Jesus ensinou. E sobre os pecados de blasfêmia que você cometeu, faça o que orientei num comentário acima. Nada é impossível para Deus. Então peça o impossível a ele, peça o perdão desse pecado, assim como Jesus pediu para não passar por todos os sofrimentos pelos quais os profetas de Deus disseram que ele com certeza iria passar.

      Excluir

Postar um comentário



Os autores dos comentários são os responsáveis por suas opiniões, e elas não representam necessariamente a opinião deste blog. Não serão publicados comentários que:

- contenham trechos copiados de outros sites.
- não tenham relação com o artigo.
- sejam incompreensíveis.
- contenham palavrões, xingamentos ou blasfêmias contra Deus.

Se quiser fazer uma pergunta ou comentário sobre outro assunto, acesse o menu no topo da página.

Artigos mais lidos deste blog

Deus castiga?

Um grande engano de muitas pessoas é achar que Deus não castiga ninguém. Essas pessoas alegam que Deus não castiga porque ele é amor, e que na verdade tudo de ruim que acontece com as pessoas são consequências lógicas de suas más ações.
Elas explicam que muitas pessoas adquirem câncer porque fumam muito, outras adquirem várias doenças porque se alimentam mal, outras sofrem acidentes porque se arriscam desnecessariamente, ou seja, não é Deus que está castigando essas pessoas, mas elas mesmas cometem maus atos que causam essas coisas ruins a elas.
É verdade que muitas coisas ruins que acontecem com as pessoas são consequências lógicas de suas más ações, mas, de qualquer maneira, Deus permite que essas pessoas sofram essas consequências, e só essa permissão já pode ser considerada um castigo dele, pois ele poderia livrá-las dessas consequências.
Além disso, muitas coisas ruins que acontecem com as pessoas não são consequências lógicas de suas más ações. Por exemplo: uma pessoa está andando…

É pecado comer carne de porco?

A Bíblia diz que é pecado comer carne de porco. Aliás, não só porco, mas também camarão, lagosta, lula, ostra e qualquer um dos outros seres vivos citados na passagens bíblicas de Levítico 11 e Deuteronômio 14 como seres que não devemos comer. Veja um dos trechos que nos proíbem de comer carne de porco:
"Tereis com impuro o porco porque, apesar de ter o casco fendido, partido e duas unhas, não rumina. Não comereis da carne deles nem tocareis o seu cadáver, e vós os tereis como impuros" (Levítico 11,7-8; Bíblia de Jerusalém. A mesma proibição encontra-se também em Deuteronômio 14,8). 
Além de a Bíblia proibir o consumo da carne de porco na passagem que acabei de citar, a seguinte passagem também deixa claro que Deus detesta que as pessoas comam carne de porco:
"Estendi as minhas mãos o dia todo a um povo rebelde, que anda por caminho, que não é bom, após os seus pensamentos; povo que de contínuo me irrita diante da minha face, sacrificando em jardins e queimando incenso sob…

A Lei do Velho Testamento foi abolida?

Muitas pessoas alegam que não precisamos cumprir mais nada da Lei de Moisés, e que só devemos cumprir o que está no Novo Testamento, porque, segundo elas, Jesus aboliu a Lei de Moisés. No entanto, eu vou mostrar neste artigo que não é bem isso o que a Bíblia diz.
Essas pessoas se apoiam principalmente nas seguintes passagens escritas pelo apóstolo Paulo:
"Portanto, lembrai-vos de que vós noutro tempo éreis gentios na carne, e chamados incircuncisão pelos que na carne se chamam circuncisão feita pela mão dos homens; que naquele tempo estáveis sem Cristo, separados da comunidade de Israel, e estranhos às alianças da promessa, não tendo esperança, e sem Deus no mundo. Mas agora em Cristo Jesus, vós, que antes estáveis longe, já pelo sangue de Cristo chegastes perto. Porque ele é a nossa paz, o qual de ambos os povos fez um; e, derrubando a parede de separação que estava no meio, na sua carne desfez a inimizade, isto é, a lei dos mandamentos, que consistia em ordenanças, para criar e…