Pular para o conteúdo principal

Por que nós devemos dar esmola



Dar esmola é um mandamento da Lei de Deus, como você pode ver em Deuteronômio 15:7-8. Jesus também disse que nós devemos dar esmolas (Lucas 12:33). As passagens Provérbios 19:17; Atos 10:30-31; Lucas 16:9 e Isaías 58:6-11 também apontam o dever de dar esmola.

Mesmo assim, muitas pessoas não dão esmola, e a principal justificativa é a seguinte: ou o pedinte quer dinheiro para comprar droga ou é um preguiçoso, pois em vez de trabalhar, fica pedindo dinheiro.

Bom, essa é uma questão delicada, afinal, na maioria das vezes não há como ter certeza se a pessoa está sendo sincera ou não. Existem muitas pessoas sinceras que procuram emprego e ninguém lhes dá uma oportunidade. Então elas recorrem a trabalhos humildes, como vender alumínio, papelão etc. Mas muitas vezes o dinheiro que elas conseguem com esses trabalhos rende muito pouco. Aí elas se humilham para pedir esmola, e somente através da esmola que elas conseguem melhorar um pouco a vida. Outros querem trabalhar, mas não conseguem trabalho de forma a conseguir se sustentar, como, por exemplo, deficientes físicos desempregados, que não têm condições de exercer nem mesmo trabalhos humildes, e ainda por cima não conseguem emprego como deficientes em empresas.

Enfim, na dúvida, é melhor você dar esmola, pois se a pessoa estiver sendo sincera, você estará cumprindo o mandamento. Se a pessoa não estiver sendo sincera, você será recompensado pela sua boa intenção, enquanto ela será punida. Portanto, sempre que alguém lhe pedir esmola, dê, a não ser que você tenha certeza que o pedinte quer dinheiro para comprar droga ou é um preguiçoso ou não está sendo sincero.

Em alguns locais é proibido pedir esmola, e os cidadãos são orientados a não ajudar os pedintes. A Bíblia diz em Romanos 13:1-2 que devemos obedecer às autoridades, pois elas foram designadas por Deus. Mas isso não significa que devemos obedecer a absolutamente tudo o que as autoridades nos mandam fazer, pois nem tudo o que elas ordenam estão de acordo com o que Deus quer que nós façamos. Essa passagem do livro de Romanos está apenas querendo dizer que nós devemos obedecer às autoridades quando elas nos dão ordens que estejam em harmonia com os mandamentos de Deus. Quando essas ordens contrariam a vontade de Deus devemos nos lembrar da passagem de Atos 5:29, a qual nos diz que entre obedecer a Deus ou aos homens, devemos escolher obedecer a Deus. Portanto, quanto à questão da esmola, devemos obedecer a Deus, e não às autoridades.

É importante ressaltar que nós devemos dar esmola com boa vontade e por misericórdia, e não por obrigação (Deuteronômio 15:10). Além disso, Jesus disse que nós devemos ser discretos ao dar esmola. Não devemos querer que os outros nos vejam dando esmolas (Mateus 6:1-4).

Esse conselho de Jesus é muito importante, pois serve para alertar aquelas pessoas que gostam de mostrar que são boas, que gostam de ser elogiadas por terem feito o bem. Essa atitude não agrada a Deus, porque o desejo maior dessas pessoas não é serem bem vistas por Deus, mas sim pelos homens. Dessa forma, a recompensa delas é o elogio que elas recebem, e nada mais. Mas quando a pessoa age com humildade, fazendo o bem aos outros sem querer se mostrar, ela receberá uma recompensa muito melhor do que ser elogiada pelos homens: ela será abençoada por Deus. Portanto, quando você der esmola, dê sem chamar atenção, e não conte a ninguém sobre as esmolas que você dá.

Comentários

  1. muito bom seu estudo sobre ajudar aos necessitados.

    vou praticar . fica com Deus.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Rodrigo, e que Deus abençoe você por querer cumprir esse mandamento tão importante.

      Excluir
  2. Eu quero primeiro pedir perdão a Deus ,pois ELE me visitou em sonho repreendeu-me dizendo que eu não dava esmolas e nesse sonho ELE não me deu características a quem eu deveria dar esmolas ,drogado , vagabundo,pobre ,mendigo ELE não justificou dizendo dá a esse ou aquele não interessava a ELE o que eu presenciei apenas que eu desse esmola.
    Hoje descobri que isso é mandamento e mandamentos devemos cumprir ,eu não sabia e quero pedir perdão a DEUS.
    Obrigado pelo ensinamento e apartir de hoje eu vou praticar

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Alexandre, se você se arrependeu e decidiu mesmo a começar a praticar a esmola, Deus vai perdoar você. Que Deus abençoe você sempre.

      Excluir
  3. Minha intuição até diz que o que o mandamento diz deve ser cumprido, mas é estranho, parece que eu não consigo dar esmola sem que pareça uma obrigação. Tô lascado então.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas não deixa de ser uma obrigação Fred. De qualquer forma, pense na vida sofrida do pedinte, tenha compaixão dele e dê esmola pensando nisso.

      Excluir
  4. Respostas
    1. Que bom que agora você está sabendo Arthur, agora é só praticar.

      Excluir
  5. Caramba mano, obrigado pelo pensamento!!! Eu estava com um pensamento que hoje em dia é fácil encontrar serviço, e se o cara for mendigo, é por escolha, sempre tem algum caminhão para descarregar. Mas realmente isso abril minha mente, não havia pensado em várias coisas, obrigado!

    ResponderExcluir
  6. Saudações!
    No artigo vc citou Atos 5:29 como referência a autoridades. Mas eu fiquei em dúvida pq também temos Rm 13:1-2. Qual sua opinião?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa pergunta Tiago! Eu atualizei o artigo nessa parte para esclarecer melhor o assunto, dê uma olhada no artigo novamente, por gentileza. Obrigado pela pergunta e fique com Deus.

      Excluir
  7. Parabéns pela publicação. Muito inspiradora e nos ajuda muito a sermos servos melhores e nos alimenta da verdadeira palavra de Deus.

    ResponderExcluir
  8. Boa tarde Bruno. Fico preocupado com a quantidade de comentários sobre o texto, como se ele fosse a mais pura manifestação da vontade de Deus. Não consigo ver dessa forma. Penso que a linha da sua argumentação é questionável e mostra apenas um lado da moeda. Vejo algumas afirmações feitas com base no senso comum, que não condiz com a realidade. Eu trabalho no centro de uma grande cidade. Converso diariamente com pedintes e moradores de rua, que integram um grupo totalmente heterogêneo. As características da maioria deles não são citadas no seu texto. As passagens Bíblicas que apontam em outra direção também não são mencionadas. Os contextos de cada passagem não é analisado. Gostaria de ter tempo para conversarmos sobre o teu texto, ideia por ideia. Em síntese, considero tendencioso e superficial. As afirmações feitas sobre a realidade não refletem o que acontece. De todo modo, parabenizo o autor pela coragem de escrever, mas sinto pela desinformação que causa e pelos prejuízos decorrentes à sociedade que trabalha e ainda sustenta um grupo, formado em sua grande maioria de desocupados e envolvidos com ilícitos de diversas ordens. Quem alimenta o problema deveria ser responsabilizado pelos prejuízos que ele causa. Infelizmente nosso povo não gosta muito de pensar e prefere acreditar naqueles que leram um pouco mais e escrevem como se tivessem conhecimento de causa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Entendo que você não goste da ideia de dar esmola. Mas o fato é que Deus nos ordenou a dar esmolas. Portanto, nos resta apenas obedecer com as ressalvas que fiz.

      Excluir
  9. O que me diz de Gênesis 3:19; II Tessalonicenses 3:10; Provérbios 6:6-9; João 5:17...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Todas essas passagens incentivam as pessoas a trabalharem, sem condenar aquelas que pedem esmola com legitimidade. Essas passagens se dirigem àqueles que têm condições de trabalhar, mas não o fazem por preguiça. O que acontece é que muitos querem trabalhar, mas não conseguem trabalho de forma a conseguir se sustentar, como, por exemplo, deficientes físicos desempregados, que não têm condições de exercer nem mesmo trabalhos humildes, e ainda por cima não conseguem emprego como deficientes em empresas, fora os exemplos que citei também no artigo.

      Excluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

O grave pecado do sexo no período menstrual

Fazer sexo durante o período menstrual é um pecado grave. Deus instituiu uma lei proibindo essa prática, veja:
"Não se aproxime de uma mulher para se envolver sexualmente com ela quando ela estiver na impureza da sua menstruação" 
(Levítico 18:19; Nova Versão Internacional).
Deus chegou até a determinar a pena de morte para os casais que fizessem sexo durante a menstruação, veja:
"Se um homem dormir com uma mulher durante a menstruação, e tiver relações sexuais, descobrindo a fonte do sangue, os dois serão eliminados do seu povo"
(Levítico 20:18; Edição Pastoral).
Embora a pena de morte por esse pecado não seja mais aplicada da forma como era aplicada nos tempos bíblicos, Deus ainda pode aplicá-la hoje em dia por meio de doenças ou outras tragédias. Portanto, nós devemos tomar muito cuidado para não cometermos esse pecado grave.

Mesmo assim, muitos casais cristãos não veem problema algum em ter relações sexuais durante o período menstrual, inclusive vários médicos a…

Os mandamentos que devemos cumprir segundo a Bíblia

Ame a Deus com todo o seu coração, e com toda a sua alma, e com todo o seu entendimento, e com todas as suas forças (Deuteronômio 6:5; Marcos 12:28-30).Não tenha outros deuses (Êxodo 20:3; 1 João 5:21).Não faça para você alguma imagem esculpida que represente um deus. Não se prostre diante dessas imagens e nem diante do Sol, da Lua e das estrelas, e não os sirva (Êxodo 20:4-5; Deuteronômio 4:19; 1 João 5:21).Não use o nome de Deus em vão, isto é, não use o nome de Deus para fazer um falso juramento ou para mentir, pois Deus não considerará inocente aquele que usar seu nome em vão. É importante notar que o nome de Deus não é "Deus", mas sim Javé. No entanto, mesmo que você faça um falso juramento sem usar especificamente o nome de Javé, dizendo, por exemplo, "Juro por Deus que vou fazer isso" ou "Juro por Deus que isso aconteceu", e você estiver mentindo, você ainda assim seria culpado, pois você estaria se referindo a Javé. De qualquer forma, Jesus nos ac…

Deus castiga sim

Muitas pessoas acham que Deus não castiga ninguém porque ele é amor, e que tudo de ruim que acontece com as pessoas são consequências lógicas de suas más ações.
Elas explicam que muitas pessoas adquirem câncer porque fumam muito, outras adquirem várias doenças porque se alimentam mal, outras sofrem acidentes porque se arriscam desnecessariamente, ou seja, não é Deus que está castigando essas pessoas, mas elas mesmas cometem maus atos que causam essas coisas ruins a elas.
No entanto, o que essas pessoas não consideram é que o fato de Deus permitir que as pessoas sofram as consequências de suas más ações já pode ser considerado um castigo dele, pois ele poderia livrá-las dessas consequências.
Além disso, muitas coisas ruins que acontecem com as pessoas não são consequências lógicas de suas más ações. Por exemplo: uma pessoa está andando na calçada cuidadosamente quando de repente um carro desgovernado a atropela; uma pessoa está dirigindo atentamente um carro quando de repente uma árvo…